O que fazer com varizes na gravidez

As varizes durante a gravidez são diagnosticadas em 30% das mulheres. O tratamento da doença durante esse período deve ser o mais seguro possível para o feto e a mãe. Existem muitos métodos que podem eliminar as manifestações de insuficiência venosa em mulheres grávidas sem risco à saúde.

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Causas de varizes em mulheres grávidas

Durante o período de gestação, o corpo da mulher muda drasticamente. Há uma necessidade crescente de minerais, vitaminas e nutrição tecidual. O fundo hormonal se torna instável. Isso afeta o estado das paredes vasculares e circulação sanguínea. As principais causas de varizes na gravidez:

  • fraqueza da parede venosa de natureza hereditária;
  • aumento da produção de um hormônio que reduz o tônus;
  • grande volume de sangue circulante (Cco);
  • excesso de peso;
  • carga excessiva nos vasos das extremidades inferiores devido à compressão das veias da pelve pequena;
  • trombocitose fisiológica;
  • inatividade.

A natureza previa uma diminuição do tônus ​​muscular em mulheres grávidas, a fim de transportar com segurança o feto no útero. Mas isso também causa falta de tônus ​​suficiente nas veias, o que contribui para sua expansão.

Etapas e características do curso

Se uma mulher não sofria de doença venosa antes da gravidez, ela pode perder o momento em que os primeiros sinais de patologia aparecerem. Isso pode levar a complicações. O tratamento é mais fácil e seguro. Para fazer isso, você precisa saber como são as varizes nos primeiros estágios da gravidez.

  • O estágio 1 é manifestado pelo peso nas pernas, fadiga. À noite, quero dar aos meus pés uma posição elevada. Redes de pequenas veias de cor púrpura aparecem nos quadris e pernas. Pode haver cãibras noturnas.
  • 2 etapa. Nesta fase, edema, dor se juntam. Cãibras nos músculos da panturrilha tornam-se mais intensas. Em pé prolongado, as veias incham, mas com uma posição horizontal, voltam ao normal.
  • 3 etapa. Nós venosos aparecem, a pele das pernas fica mais escura. O inchaço está aumentando, especialmente à noite. Os sintomas de insuficiência vascular se intensificam. O estágio pode ser complicado por trombose e tromboflebite.
Nanovein  Foto do estágio de desenvolvimento de varizes

Uma característica do curso das varizes em mulheres grávidas é a velocidade de transição de um estágio para outro. No estado normal do corpo, isso dura décadas. Na gravidez, sem tratamento adequado, a patologia pode chegar ao último estágio em alguns meses.

O perigo de varizes em mulheres grávidas

As varizes durante a gravidez são perigosas não apenas para a mãe grávida, mas também para o feto. A doença causa complicações associadas à circulação sanguínea, o que afeta negativamente os processos de enriquecimento de tecidos com oxigênio. As varizes podem levar a:

  • violação do trofismo com formação de úlceras e inflamação;
  • ruptura do nó varicoso com sangramento adicional;
  • complicações com o parto natural.

A consequência mais perigosa das varizes durante a gravidez é a trombose venosa. Pode causar hipóxia fetal e ameaçar a saúde da mãe.

Métodos para o tratamento de varizes

A insuficiência venosa durante a gravidez está aumentando rapidamente. Enquanto uma mulher pensa no que fazer, varizes nas pernas durante a gravidez já são complicadas. É difícil tratar a doença durante esse período. Entre as principais formas:

  • terapia medicamentosa externa e interna;
  • métodos de medicina tradicional;
  • exercícios terapêuticos;
  • terapia de compressão.

O método cirúrgico durante esse período pode ser perigoso. É usado apenas em casos graves. A terapia de infusão também não é recomendada.

O que e como tratar varizes durante a gravidez, o flebologista decide junto com o ginecologista. Muitos medicamentos são permitidos apenas com monitoramento rigoroso da mulher grávida.

Terapia medicamentosa

As empresas farmacêuticas oferecem uma ampla seleção de agentes venotônicos. Mas as futuras mães podem usar apenas alguns medicamentos. O medicamento externo mais seguro:

Os medicamentos praticamente não atravessam a placenta, mas no primeiro trimestre pode haver restrições sobre eles.

O tratamento de varizes durante a gravidez com medicamentos sistêmicos é usado apenas em casos extremos e a partir do segundo trimestre. As pílulas mais eficazes:

Os medicamentos são prescritos por um especialista e dosados ​​de acordo com o estágio das varizes e o período da gravidez. A automedicação não é permitida.

Ginástica Terapêutica

A gravidez com varizes é mais difícil com a falta de movimento. Exercícios leves melhoram a circulação sanguínea, mantêm as veias das pernas em boa forma e ajudam a se livrar da estase sanguínea. A ginástica prevê a implementação de elementos permitidos durante a gravidez.

Exercícios mais populares:

  • caminhada alternativa nos calcanhares e dedos dos pés;
  • deitado na cama, levante as pernas para cima e para baixo na parede, imitando a caminhada;
  • em pé, uma separação alternativa do chão dos calcanhares e depois dos dedos dos pés;
  • em pé, gire os pés para a direita e esquerda.
Nanovein  A pomada mais eficaz para varizes nas pernas

Os exercícios são realizados em roupas íntimas de compressão. Após as aulas, recomenda-se realizar ducha com água.

Com a ameaça do aborto, a ginástica é proibida.

Terapia de compressão

Um dos métodos mais populares para prevenir complicações de varizes em mulheres grávidas. É recomendável usar meias ou meias elásticas desde os primeiros meses. Malhas de compressão evitam o alongamento da parede venosa e mantêm os vasos em boa forma.

Você precisa vestir a roupa de manhã antes de sair da cama, removê-la à noite antes de ir para a cama. O grau de compressão é recomendado 1, com menos frequência 2. Durante o parto, as meias não são removidas e continuam a terapia de compressão por pelo menos 2 meses.

Métodos da medicina tradicional

Nem toda mulher decide ser tratada durante a gravidez com preparações preparadas em casa. Muitos pacientes consideram erroneamente a medicina tradicional mais segura que a medicação e negligenciam as regras de dosagem. Mas o uso de tratamento alternativo de veias também requer a supervisão de um médico. Entre os remédios caseiros mais populares incluem:

  • Óleo de camomila. Despeje as flores de uma camomila de farmácia com azeite e insista 30 dias. Esfregue nas áreas afetadas todas as noites.
  • Creme para pés de varizes à base de calêndula para mulheres grávidas. Tome 2 colheres de sopa. colheres de sopa de flores secas e despeje um copo de água. Deixe ferver em banho-maria e deixe esfriar. Misture a infusão com creme de bebê e esfregue os pés uma vez por dia.
  • Loções com vinagre de maçã. Toalhetes com ácido aplicam-se aos focos de varizes por 10 minutos diariamente.
  • Banhos com sal marinho. Tome 5 gramas de sal em 50 litros de água. Mantenha os pés na solução por até 5 minutos. A temperatura da água está ligeiramente abaixo da temperatura ambiente. Repita todos os dias.

O tratamento com remédios populares ajuda a combater o peso nas pernas, a inflamação das veias e o inchaço.

Medidas preventivas

A prevenção de varizes durante a gravidez consiste em manter as veias em boa forma e eliminar fatores de risco. Para impedir o desenvolvimento da doença, recomenda-se:

  • limitar sentado ou em pé prolongado;
  • use calcinha de compressão;
  • fazer tudo o que é possível;
  • dorme principalmente no lado esquerdo;
  • não mantenha as pernas cruzadas;
  • evitar a obesidade.

A prevenção de varizes em mulheres grávidas ajudará a evitar o tratamento medicamentoso e a prevenir complicações.

Lagranmasade Portugal