Espinha nos lábios

Que menina não sonha com a pele limpa e bonita, gastando quantidades decentes de cuidados, indo ao esteticista. Mas e se a acne nos lábios começar a incomodar, a quem correr com um problema sensível e se existe algum perigo? Vamos entender em detalhes todas as nuances deste artigo.

A pele humana é projetada para proteger o corpo de influências externas, mas às vezes problemas internos podem nos enviar sinais através da pele. Se a acne dos adolescentes for facilmente explicada, a acne dolorosa nos lábios poderá falar não apenas de uma mudança no plano hormonal. Como encontrar um especialista que não pareça desconfiado não julga. Tais preconceitos não são incomuns. Sinta-se livre para ir ao médico, porque a acne nos órgãos genitais ainda não prova a presença de uma doença transmitida por meio de relações sexuais. Alguns deles representam apenas um defeito estético. Vejamos os tipos de erupções cutâneas desagradáveis.

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Tipos de erupção genital

As espinhas em um local interessante para meninas podem ser localizadas em locais diferentes, diferem entre si e são:

  • A espinha subcutânea nos lábios parece um inchaço indolor. Ocorre devido às glândulas sebáceas, que aumentam de tamanho. O motivo da ocorrência é o bloqueio e o mau funcionamento das células devido à imunidade reduzida.
  • A acne branca nos lábios é formada devido aos pêlos encravados após a depilação da área íntima. Após a depilação, a pele recebe microtrauma e reage com a inflamação local. Às vezes, uma espinha supurata, então apenas seque com ácido salicílico.
  • Espinha vermelha em um local íntimo. Pertence à mais segura, pois é causada por alterações hormonais, ocorre em meninas na adolescência. Também pode aparecer em um contexto de estresse ou alergias.
  • Espinhas aquosas nos órgãos genitais. Este tipo já vale a pena temer e requer um apelo a um dermatologista. Dê uma olhada mais de perto na forma, se tiver um pico, com uma estrutura densa, o vírus do papiloma humano pode se tornar a causa. Um sinal de herpes genital são pequenas vesículas, como se estivessem cheias de água que, após a abertura, deixa feridas.
  • Cisto de gordura. O selo hipodérmico nos lábios como um wen. Se não traz inconveniência, não aumenta, é considerado não perigoso. Mas se a infecção penetra no interior, o desconforto é imediatamente sentido, o processo inflamatório se desenvolve. É necessário realizar terapia antibacteriana e extração cirúrgica do wen.
  • Espinha nos pequenos lábios. Aparece devido a um resfriado, passa sem tratamento adicional. É necessária ajuda especializada se a flora viral entrar na vagina. É importante garantir que a supuração não penetre no sangue e não provoque uma infecção dos órgãos internos. Se você notar uma vedação dolorosa no lábio pequeno, monitore cuidadosamente a higiene e tome um conjunto de multivitaminas.
  • Espinha nos grandes lábios. Muitas vezes ocorrem em um local íntimo para as mulheres que voltaram recentemente do mar. Na ausência de hipotermia repetida, eles passam rapidamente. Além disso, transformações hormonais (idade de transição, gravidez, uso de contraceptivos, menopausa) são as causas de sua aparência.
  • Espinha interna na vagina. É raro, mas causado por fenômenos compreensíveis. Os órgãos genitais são muito sensíveis e não estão bem protegidos das influências ambientais, seja uma praia pública, piscina, parque aquático ou banheiro.
Nanovein  Doenças das veias

As recomendações gerais resumem-se ao fato de que, dentro de dois dias, qualquer erupção cutânea não desaparece, mas, pelo contrário, começa a causar desconforto, crescimento, abscesso, irritação, queimação, coceira, reagem imediatamente. Marque uma consulta com um bom especialista que determinará o tipo de erupções cutâneas e dará as recomendações corretas para eliminar sintomas emocionantes.

Causas externas e internas

Espinha na área íntima em mulheres simplesmente não sai. Você pode nem notar uma espinha, por isso é importante visitar um ginecologista pessoal uma vez por ano. Para os patógenos domésticos incluem:

  • Roupa interior sintética. Esse tecido não permite a passagem da umidade, é pouco ventilado, provocando o crescimento de bactérias ruins nos lábios.
  • Hipotermia dos órgãos genitais internos, uso privado de saias no inverno, densidade insuficiente de calças justas pode levar à hipotermia em locais íntimos, devido à circulação sanguínea prejudicada.
  • O superaquecimento do corpo pode provocar a multiplicação de bactérias.
  • Inflamação dos folículos capilares. Ao fazer a barba, a pele é machucada mecanicamente, a irritação começa.
  • Má higiene ou lavagens frequentes eliminam a microflora protetora. Produtos de cuidado selecionados incorretamente para áreas delicadas podem ser uma fonte de erupção cutânea.
  • Uma reação alérgica a pó, compressas, sabão ou produtos sintéticos.
  • Ajuste hormonal.
  • Abuso de desnutrição, muitos doces, alimentos ricos em amido.

Esses motivos são fáceis de eliminar, a erupção cutânea desaparece sem atenção médica, basta seguir as regras de higiene, monitorar o que você come.

Pêlos encravados

Pior ainda se os patógenos virais se estabelecerem na área íntima:

  • herpes nos órgãos genitais;
  • papilomavírus humano;
  • distúrbios hormonais;
  • infecções por relações sexuais;
  • estafilococo;
  • candidíase não tratada;
  • efeito colateral de supositórios vaginais;
  • enfraquecimento da imunidade.
Nanovein  Doença varicosa, métodos modernos de tratamento e prevenção
Lagranmasade Portugal