Dor no peito por que e o que fazer

Em vários graus de severidade da dor sob o peito, acompanham uma pessoa ao longo da vida. Se o desenvolvimento deles não estiver associado a uma seleção inadequada de roupas ou a uma longa permanência em uma posição estacionária, consulte um médico e descubra a causa da aparência. E antes de visitar um especialista, é importante prestar atenção a três fatores – a natureza do desconforto, quais eventos antecederam sua aparência, quais sintomas são acompanhados.

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Dor no peito esquerdo

A dor sob a mama esquerda pode indicar a presença de patologias de natureza diferente – inflamatória, oncológica, destrutiva, infecciosa. Eles são muito semelhantes nas manifestações clínicas. Para várias doenças, o período desde o momento dos efeitos nocivos até o aparecimento dos primeiros sinais é diferente. No exame, é importante que o paciente relate se estava sub-resfriado ou ferido quando os primeiros sintomas apareceram, quanto analgésicos ajudam a parar a dor.

Possíveis causas da dor

Importa de que lado a irradiação ocorre – para a esquerda ou direita. Possíveis causas de dor:

  • Congestão de ar ou sangue no interior da cavidade pleural
  • Nervos comprimidos
  • Inflamação das membranas cardíacas, infarto do miocárdio
  • Compressão da vesícula biliar pelo feto em desenvolvimento
  • Trauma na cavidade abdominal e / ou tórax
  • Transtorno da integridade articular, osteocondrose, osteoporose
  • Inflamação do parênquima hepático
  • Fratura de costela com ou sem lesão respiratória
  • Úlcera péptica, gastrite

A presença de um foco crônico de inflamação presente no corpo também é importante.

Tipos de dor e possíveis diagnósticos

Ao realizar um exame, o especialista esclarece uma nuance importante para si mesmo – qual é exatamente a natureza da dor no paciente, como ele pode descrevê-la. As informações obtidas simplificam o diagnóstico, pois cada médico competente sabe que um tipo diferente de dor indica a presença de certas doenças:

  1. Dor surda – um sinal de dano (lesão no peito, tensão muscular), osteocondrose da coluna torácica, fissuras nas costelas
  2. Desenho – um sintoma de neuralgia intercostal, aparece após esforço físico, estadia prolongada em posição estacionária, hipotermia
  3. Encolhimento – cãibras indica a presença de uma patologia do estômago, circulação sanguínea prejudicada após o exercício, osteocondrose. Além disso, com desconforto repentino, os pacientes às vezes percebem arritmia.

Apesar da diferença entre os tipos de dor listados, a necessidade de uma visita a um especialista, exame e possivelmente até tratamento os une.

Dor dolorida

Um sintoma de dor confusa é característico do curso da úlcera gástrica, inflamação da mucosa intestinal. Sintomas adicionais são falta de apetite, náusea, inchaço, diarréia com uma mistura de partículas de produtos não digeridos. Desconforto abdominal aparece de manhã depois de comer. Dor no peito é um dos sinais de miocardite. Especialmente se o aparecimento de uma sensação desagradável foi precedido por atividade física.

Nanovein  Medicamentos eficazes para varizes nos pés

Dor severa

A síndrome da dor intensificada indica o desenvolvimento de muitas patologias, mas na maioria das vezes elas são:

  • infarto do miocárdio
  • espasmo arterial
  • condições de emergência do estômago ou intestino
  • aneurisma da aorta
  • pneumotórax
  • pancreatite
  • metástases pulmonares dirigidas por um tumor maligno presente no corpo

Nesse caso, é notável uma diminuição acentuada da pressão arterial, palidez da pele, aparência de suor no rosto e fraqueza. Com úlcera gástrica nas fezes e vômito, o sangue aparece. Com pancreatite, a natureza cintilante da dor é sensata. Se a deterioração é causada por obstrução intestinal – não há evacuação por vários dias, há intoxicação, a tez se torna terrosa.

Metástases pulmonares são detectadas durante as técnicas de imagem por radiação. Como no osso pélvico, o cérebro, os processos tumorais malignos presentes no corpo podem direcioná-los para o sistema respiratório.

Dor aguda

Dor aguda pode causar problemas com o estado da vesícula biliar, no contexto de cólica renal, os pacientes também costumam experimentar uma sensação desagradável sob o peito. Esse tipo de dor é característica do tromboembolismo – uma condição patológica extremamente perigosa. Nesse caso, os sinais característicos são a pele azul instantânea da face, a aparência de sangramento pela cavidade oral, a perda de consciência. Sabe-se que essa condição é fatal e, portanto, seu desenvolvimento é melhor prevenido do que tratado.

Dor de costura

Dor no peito com episódios de formigamento no lado direito é um sinal de violação da atividade funcional do fígado. O desenvolvimento da condição é facilitado por comer demais, comer alimentos gordurosos, dobrar a vesícula biliar, cirrose, doença da vesícula. Se for estabelecido que o fígado está em ordem, você deve procurar a causa no estado do diafragma. Porém, na maioria das vezes, os sintomas de formigamento estão associados a problemas digestivos, constipação e inflamação se desenvolvendo no contexto. Muitas vezes, uma sensação de costura é acompanhada por um processo inflamatório dos músculos (após hipotermia, alongamento, esforço físico excessivo).

Dor no ombro

Se a dor não estiver associada a uma violação do coração, um sinal indica a presença de problemas com o diafragma, coluna vertebral. Quando uma hérnia se forma no diafragma, um desconforto intenso aparece devido ao deslocamento do estômago para cima. O diafragma separa anatomicamente a cavidade torácica da cavidade abdominal. A ocorrência de pressão interna causa desconforto.

Patologias da condição da coluna vertebral se manifestam da seguinte maneira:

  • dor ou dor ardente
  • uma mudança de posição não traz alívio duradouro
  • a parte problemática do corpo pode ser deformada – devido a edema ou erosão da cartilagem das vértebras
  • atividade física é limitada

As violações listadas são bem exibidas na imagem tirada durante o exame radiológico.

Dor no peito em mulheres

Dor das glândulas mamárias – a reação dos tecidos às alterações hormonais. Normalmente, o inchaço e a hipersensibilidade da mama feminina acompanham o período na véspera da menstruação, gravidez e estado pós-parto. Mas em outros casos, a dor nas glândulas mamárias indica a presença da doença. Sua natureza (benigna ou maligna) é determinada pela mamografia. Sinais alarmantes – deformação do peito, mudança na cor e estrutura do mamilo, aréola.

Diagnóstico e tratamento – qual especialista entrar em contato

A dor no peito pode ter uma origem diferente e, para esclarecer a localização da patologia, você deve consultar inicialmente um terapeuta. O médico irá realizar um exame, nomear um exame. De acordo com os resultados do diagnóstico, fica claro quem irá tratar a patologia – o terapeuta ou os especialistas de perfil restrito.

Nanovein  Comichão nas varizes das pernas

As seguintes doenças estão envolvidas na eliminação de doenças que se manifestam pela dor na mama:

  • Gastroenterologistas – se for estabelecida uma interconexão de desconforto e distúrbios na atividade do trato gastrointestinal
  • Cardiologistas – quando se provar que a dor no peito é provocada por um mau funcionamento do coração
  • Neuropatologistas – se, com base nas respostas diagnósticas, for confirmada a presença de neuralgia intercostal ou outros distúrbios do sistema nervoso periférico
  • Pneumologistas – nos casos em que a dor é causada por problemas com a condição dos brônquios
  • Mamologista – quando esse desconforto cria a presença de um tumor na mama
  • Ortopedista, vertebrologista – em caso de interconexão da dor no peito com processos degenerativos da parte cartilaginosa das vértebras

O tipo de tratamento depende do tipo de patologia, sua localização, o estágio de desenvolvimento no momento da detecção pelo médico, a gravidade dos sintomas. Refinando os critérios acima, o médico concentra-se nas informações obtidas após o ultra-som, ultra-som Doppler, métodos de raios-X, MTR e CT. O tratamento conservador dessas doenças é realizado no caso de um estágio inicial do seu desenvolvimento. Este tipo de tratamento inclui medicamentos:

  1. Terapia antibiótica
  2. Terapia da vitamina
  3. Prescrição de medicamentos anti-inflamatórios não esteróides
  4. Terapia Hormonal
  5. Anestesia do paciente pela introdução de analgésicos
  6. Introdução de condroprotetores

Uma abordagem cirúrgica é planejada com a ineficácia do tipo conservador de terapia. Os métodos fisioterapêuticos consolidam o efeito do tratamento conservador, impedem a transição de doenças para uma forma crônica. Terapia por exercício (incluindo ginástica), massagem é necessária para melhorar o bem-estar nos casos em que, por certas razões, a cirurgia é contra-indicada. Os métodos ajudam a melhorar a circulação sanguínea, reduzir a dor, eliminar a tensão muscular.

Medidas preventivas

Para identificar violações em um estágio inicial de seu desenvolvimento, um exame de rotina deve ser realizado uma vez por ano. Com uma predisposição hereditária a certas patologias – visite o perfil do médico de uma possível doença 1 vez em 1 meses. Na presença de distúrbios crônicos já confirmados, uma visita ao médico deve ocorrer de acordo com o procedimento estabelecido.

Prevenção de todos os tipos de doenças manifestadas por dor no peito:

  • Correção nutricional. Revise a dieta em favor de alimentos saudáveis ​​e fortificados, não coma gorduras refinadas, alimentos que contenham espessantes, corantes, conservantes. Recuse a ingestão excessiva de cafeína. Com uma boa nutrição, você não precisa se preocupar com o desenvolvimento de doenças do sistema músculo-esquelético, conhecidas pela destruição e dor nos tecidos.
  • Mudança na atividade motora. Para prevenir algumas doenças, a quantidade de atividade física deve ser reduzida, para evitar outras patologias – aumentar.
  • Prevenção de lesões de natureza diferente – fraturas, contusões, entorses. A doença pode não se manifestar imediatamente, mas se tornar uma causa de dor após um certo tempo. É especialmente importante que as mulheres evitem lesões nas glândulas mamárias para não provocar o desenvolvimento do tumor.
  • Não sobrecarregue o corpo fisicamente, compense sempre o grande volume de trabalho em repouso, pelo menos com um sono de 8 horas.
  • Evite a hipotermia, vista-se sempre de acordo com as condições climáticas.
  • Recuse-se excessivamente apertado, apertando roupas.

Medidas preventivas incluem rejeição de maus hábitos, promoção da saúde no sanatório, recepção de imunomoduladores, normalização das condições de trabalho e de vida. Igualmente importante é o uso de dispositivos especiais para manter a postura em uma posição normal (palmilhas ortopédicas, corretores, bandagens). Isso impedirá o desenvolvimento de 1/3 das doenças nas quais a dor ocorre sob o peito.

Lagranmasade Portugal