Doença varicosa dos membros inferiores (varizes, úlceras varicosas, varizes dos membros inferiores

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Doenças cardiovasculares

Descrição geral

A doença varicosa dos membros inferiores é uma doença caracterizada pela expansão das veias superficiais, na qual ocorre falha da válvula e o fluxo sanguíneo é perturbado.

As varizes das extremidades inferiores são a doença vascular periférica mais comum. Ocorre em 26 a 28% das mulheres e 10 a 20% dos homens em idade ativa.

Existem 3 graus de insuficiência venosa crônica:

  • 1 – edema transitório (geralmente ocorre após esforço físico ou no final de um dia útil);
  • 2 – edema persistente (aparecendo até de manhã, depois do sono), hiperpigmentação da pele;
  • 3 – a presença de distúrbios tróficos na forma de defeitos ulcerativos (com estágio avançado da doença).

Existem vários fatores principais que contribuem para as varizes:

  • Predisposição hereditária: a presença desta doença em familiares, familiares.
  • Sexo: está provado que as mulheres adoecem duas vezes mais que os homens (durante a gravidez, o útero cresce em volume e comprime a veia cava inferior, o que viola o fluxo venoso).
  • Excesso de peso
  • Falta de exercício: trabalhe sentado por muito tempo.
Nanovein  Dermatite nas pernas - causas e tratamento de todos os tipos de doenças

A patogênese consiste na estagnação do sangue venoso nos vasos, o que leva ao estiramento da parede vascular, como resultado dos retalhos das válvulas não se ajustarem firmemente às paredes do vaso e o sangue é descarregado de volta, levando a um alongamento ainda maior das paredes e à falha da válvula. Assim, um círculo patológico é formado, e complicações sérias surgem ao longo do tempo.

Insuficiência de grandes veias safenas no membro inferior direito

Sintomas de varizes das extremidades inferiores

Sinais de varizes nas extremidades inferiores: presença de veias safenas dilatadas, inchaço das pernas e pés, cãibras que ocorrem periodicamente, descoloração da pele.

A complicação mais grave é a formação de um coágulo sanguíneo como resultado da diminuição do fluxo sanguíneo na veia. Há flebite – inflamação da parede vascular – ou tromboflebite – inflamação da parede vascular com a formação de um trombo. No decurso das veias dilatadas, áreas densas e muito dolorosas com vermelhidão da pele. Nos estágios avançados da doença, podem ocorrer distúrbios tróficos na forma de úlceras, o que reduz drasticamente a qualidade de vida.

diagnósticos

  • Consulta de um cirurgião vascular.
  • Digitalização duplex dos vasos sanguíneos (usando esse método, é fácil determinar a perviedade das veias, avaliar a função do aparelho valvar e decidir sobre táticas de tratamento adicionais).

Tratamento de varizes das extremidades inferiores

1. Terapia conservadora.

  • Compressão elástica das extremidades inferiores (classe de compressão 1-2, os meios de compressão são selecionados de acordo com o tamanho da coxa e da perna).
  • A posição elevada das extremidades inferiores durante o repouso (pelo menos 30 a 40 minutos após o exercício).
  • O uso de pomadas locais ("Lyoton-gel", "Troxevasin"), utilizando venotônicos em cursos de 2 meses ("Detralex", "Flebodia") (eles tonificam a parede venosa e não permitem que ela se estique visivelmente).
Nanovein  Por que as veias azuis aparecem nas pernas e como tratá-las

2. tratamento cirúrgico.

  • Escleroterapia (realizada na presença de fluxos localmente dilatados da veia safena magna, recidiva após venectomia).
  • Venectomia (remoção do tronco da veia safena magna e entradas incompetentes).

O tratamento é prescrito somente após a confirmação do diagnóstico por um médico especialista.

Medicamentos essenciais

Existem contra-indicações. Consulta especializada necessária.

  • Lyoton, gel (um medicamento antitrombótico para uso externo). Regime de dosagem: aplique 3-10 cm de gel 1-3 vezes / dia na pele da área afetada. e esfregue suavemente.
  • Troxevasin gel (medicamento venotônico para uso externo). Regime de dosagem: aplicado na área afetada 2 vezes ao dia, de manhã e à noite, esfregando suavemente até completa absorção. O gel pode ser aplicado sob um curativo oclusivo.
  • Detralex (venoprotetor, agente venotônico). Regime de dosagem: no interior, em uma dose – 2 comprimidos / dia: 1 comprimido. – no meio do dia e 1 mesa. durante a refeição da noite.
  • Flebodia (agente angioprotetor). Regime de dosagem: no interior, 1 comprimido. por dia de manhã com o estômago vazio. A duração da terapia é geralmente de 2 meses.
Lagranmasade Portugal