Dilatação das veias durante a gravidez

O período de gravidez de qualquer mulher traz felicidade, alegria e expectativa de um bebê lindo. Cada menina, que planeja se tornar mãe, deseja alcançar a fim de proporcionar a si e ao filho por nascer as condições de vida mais confortáveis ​​e saudáveis. Mas, às vezes, esse conjunto forte e bonito precisa enfrentar muitos problemas no corpo. A varicose durante a gravidez, que tem quase a maior frequência de ocorrência, nessa condição de mulher, também pertence a esse problema.

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Qual é a essência do problema?

As varizes nas pernas são um problema muito comum em quase toda a população do planeta, que é uma doença das veias periféricas do membro inferior, que leva ao aumento do próprio vaso, afinamento das paredes e violação do aparelho valvar.

Nas mulheres, e especialmente nas que têm um futuro bebê, a vasodilatação mais comum ocorre nas pernas e na vagina. Além disso, muitas vezes, as mulheres grávidas estão preocupadas com hemorróidas, em casos raros, varizes do pescoço.

As veias durante a gravidez se expandem principalmente devido ao fato de que ocorre uma redistribuição maciça do fluxo sanguíneo no corpo da mulher. Um aumento no útero e um aumento mensal no feto requerem um forte fluxo de sangue e nutrientes. O indicador do volume de sangue circulante aumenta, o que leva a um aumento da pressão no interior dos vasos venosos. Devido à progressiva expansão dos vasos sanguíneos e ao afinamento da parede, as válvulas que estão dentro das veias e participam da redistribuição do sangue não conseguem lidar, portanto, o sangue estagna no vaso.

O hormônio progesterona, que é produzido em grandes quantidades durante a gravidez, desempenha um papel importante no estado do vaso. Sua ação enfraquece significativamente a parede do vaso e reduz o tom.

Qual o motivo da expansão?

Tendo um pouco de compreensão do mecanismo de expansão das veias nas extremidades inferiores, podemos falar sobre todas as razões para o desenvolvimento dessa patologia:

  • "boom" hormonal. Como já mencionado, a influência do feto causa a produção ativa do hormônio progesterona, vários outros hormônios femininos, hormônios da tireóide, etc. Mas é a progesterona que desempenha um papel fundamental na influência das veias das pernas;
  • dano valvular nas pernas durante a gravidez, devido ao aumento do fluxo sanguíneo para o feto e o útero;
  • ganho de peso. Durante o período de transporte do feto, a mulher média acrescenta cerca de 10 a 12 kg ao seu peso, e esse número pode ser ainda maior, o que naturalmente dará uma carga adicional nas pernas e no sistema cardiovascular do corpo;
  • predisposição genética. A chance de contrair tal doença aumenta muitas vezes se varizes nas pernas já tiverem ocorrido no gênero;
  • roupas ruins. O uso constante de roupas justas e apertadas, bem como o uso excessivo de sapatos de salto alto, quase sempre levam a distúrbios nos vasos do membro inferior;
  • modo de vida inativo. Apesar da posição da mulher, ela não deve mentir e não fazer nada o tempo todo. Atividades ao ar livre ativas e saudáveis ​​são uma ótima maneira de prevenir varizes em mulheres grávidas.
Nanovein  Comentários sobre cirurgia de varizes a laser

Tendo compreendido as causas dos vasos dilatados nas pernas durante a gravidez, você deve saber como detectar o problema a tempo.

Manifestações clínicas

É necessário saber como as varizes se manifestam em mulheres grávidas, a fim de poder consultar um especialista a tempo, para evitar o desenvolvimento de todo tipo de complicações.

Dos principais sintomas das varizes, podemos distinguir os seguintes:

  1. O aparecimento de "veias da aranha" ou áreas de veias dilatadas que são claramente visíveis na pele.
  2. Inchaço nas pernas durante o descanso, aparecendo principalmente à noite.
  3. A presença de dor maçante, caráter dolorido.
  4. Pigmentação excessiva da pele dos pés, pernas.
  5. Mudança na condição da pele, que se manifesta pela secura e pela ocorrência de coceira.

Os primeiros sinais de varizes devem ser conhecidos e lembrados, pois são perigosos para a progressão rápida e todos os tipos de complicações.

Como impedir o desenvolvimento?

A fim de evitar varizes durante a gravidez a tempo, todos os meios de prevenção devem ser direcionados para eliminar uma possível causa.

A base da prevenção é mudar radicalmente seu estilo de vida, mudar o modo do dia, evitar sentar e deitar por muito tempo e, com mais frequência, fazer caminhadas ao ar livre. As varizes nas pernas podem se intensificar com longas sessões monótonas ou deitadas em uma posição, por isso vale a pena diversificar as posturas durante o descanso.

É recomendável, sentado em um banquinho, não criar pressão nas coxas, pois isso ajuda a comprimir os vasos. Ou seja, é melhor sentar na beira das fezes, para que as varizes diminuam a velocidade. Ao descansar no sofá ou enquanto dorme, vale a pena dar preferência à posição no lado esquerdo. Essa postura reduzirá significativamente a pressão nos vasos do útero e das pernas. Além disso, tendo varizes durante a gravidez, é recomendável colocar um pequeno travesseiro ao seu lado, o que proporcionará conforto adicional.

Vale a pena limitar o tempo gasto em pé, sentado e deitado. Ou seja, isso significa que, com gravidez e varizes, você não deve passar o dia inteiro caminhando maratonas, ou ficar sentado à mesa do computador por dias ou, pior, ficar deitado na cama o dia todo. Esse estilo de vida só exacerba varizes nas pernas. Vale a pena distribuir racionalmente o tempo gasto nessas três posições.

As roupas do dia a dia e as roupas que a garota quer colocar na rua devem ser muito confortáveis ​​e convenientes. O uso de coisas apertadas e apertadas não é permitido. A expansão das veias ao usar essas roupas só vai piorar.

Saltos altos e rebotes são os principais amigos das varizes. Usar esses sapatos aumenta a carga nas pernas, e é por isso que elas exigem uma corrida ainda maior de sangue. E, como as veias durante a gravidez já são afetadas pelo processo patológico, o uso desses sapatos agravará o processo do que antes.

Deve-se dar preferência a roupas especialmente projetadas, usadas quando há varizes nas pernas.

Ter varizes e gravidez é uma excelente opção para ginástica, assim como para viagens à piscina. A natação terá um grande efeito no tônus ​​vascular, aliviará o sistema venoso, fortalecerá o sistema muscular e muito mais.

Também vale a pena prestar atenção aos problemas com o trato gastrointestinal. Não permita constipação. Você deve beber uma grande quantidade de água por dia, cerca de 1,5 a 2 litros por dia. Por exemplo, além da água comum, você pode usar chá verde, sucos naturais de frutas, sopas de vegetais cozidas.

Nanovein  Preparação para cirurgia de varicocele testicular em homens

O que fazer se já houver uma doença?

Se as varizes já apareceram, as medidas devem ser tomadas o mais rápido possível até que seja tão perigoso. O significado das ações é o mesmo da prevenção primária da doença – para influenciar as causas alegadas.

Antes de mais, a necessária consulta imediata de um flebologista e de um obstetra-ginecologista, a fim de avaliar a condição da gestante, a doença e os possíveis riscos.

Para todos os meios de prevenção mencionados acima, o especialista prescreverá o uso obrigatório de roupas especiais de compressão ou o uso de uma bandagem elástica, que serve como uma excelente alternativa.

Além desses métodos gerais, os médicos prescreverão vários medicamentos que ajudarão a melhorar o fluxo sanguíneo, aumentar o tônus ​​das veias, etc. Para influenciar o mecanismo de desenvolvimento da patologia, são prescritos anticoagulantes, medicamentos que fortalecem a parede das veias (os chamados flebotônicos), bem como pomadas.

Os medicamentos prescritos, com varizes durante a gravidez, estritamente devem ser usados ​​sob a supervisão de um especialista, para não prejudicar o feto!

Aulas de ginástica

Para evitar varizes durante a gravidez em muitas partes das pernas, você pode usar exercícios especiais de ginástica, que também são atribuídos aos médicos.

No total, existem cerca de dez desses exercícios:

  1. A garota toma uma posição inicial sentada, dobrando os joelhos e abaixando as mãos. Na inspiração, você precisa se levantar, na expiração – sente-se na posição inicial.
  2. A posição inicial está de pé. A gestante produz flexões alternadas nas articulações do joelho, primeiro a direita e depois a perna esquerda, mantendo uma respiração calma e rítmica.
  3. De pé no chão com os pés na largura dos ombros, enquanto abaixa os braços paralelos ao corpo. Depois, faça o seguinte: respire e levante as mãos, demore um pouco. Depois, expire e abaixe-as para trás, enquanto dá um passo com o pé esquerdo. Em seguida, coloque o pé direito à esquerda. Com o pé direito, faça a mesma manipulação.
  4. Na posição sentada, os calcanhares ficam imóveis no chão. Realize movimentos circulares nos pés, ainda sem arrancar os calcanhares.
  5. Posicione nos dedos dos pés, mantendo-os pressionados por alguns segundos e depois desça para a posição original.
  6. Dê um pequeno passeio pela sala em pé na ponta dos pés. Pode ser alterado com a caminhada nos calcanhares.
  7. Sentado em uma cadeira, coloque os calcanhares no chão e pressione o pé firmemente contra o chão, sem abrir os calcanhares.
  8. O mesmo exercício, exatamente o oposto: os pés estão no chão e é necessário levantar os calcanhares, deixando o resto do pé no chão.
  9. Um exercício familiar da escola: inalar, subir na ponta dos pés e levantar as mãos, abaixando todo o pé – expire.
  10. Quando as varizes aparecem, movimentos de dança pequenos e curtos para sua música favorita serão uma excelente ferramenta.

Essa ginástica deve ser realizada de cinco a dez vezes por dia. É recomendável não parar com uma abordagem por dia e repetir a lista inteira algumas vezes por dia. Os especialistas podem fornecer folhetos especiais com fotos que serão mais fáceis de lidar.

As meninas em uma posição que enfrentam o problema de varizes devem saber que, com um tratamento bem-sucedido da patologia, é possível que ela retorne nas gestações subsequentes. Em casos especialmente graves, é possível um diálogo com especialistas em intervenções cirúrgicas minimamente invasivas, com monitoramento rigoroso da vida do feto em desenvolvimento.

Lagranmasade Portugal