Dermatite venosa nos pés pomada tratamento

A dermatite venosa é uma doença que ocorre no contexto de processos patológicos nas veias e circulação prejudicada. A doença também é chamada de eczema varicoso. Aparece na superfície das pernas, tornozelos. Essa dermatite causa muitas sensações desagradáveis ​​e, com uma forma negligenciada, é possível a formação de longas úlceras não cicatrizantes.

O tratamento da dermatite varicosa visa eliminar a doença primária, bem como aliviar os sintomas. Para isso, são utilizados métodos médicos e medicina tradicional.

As causas da dermatite nas pernas são:

  • varizes;
  • processos estagnados nos vasos sanguíneos;
  • circulação sanguínea prejudicada;
  • fator hereditário;
  • doenças cardiovasculares;
  • aumento da pressão no sistema vascular;
  • gravidez;
  • lesões nos membros inferiores, que danificam as veias;
  • patologia do sistema endócrino.

Deve-se notar que a dermatite venosa geralmente afeta as mulheres após cinquenta anos. Excesso de peso, falta de exercício, má nutrição e infecções secundárias contribuem para o desenvolvimento da doença.

Se a doença não for tratada, logo se formarão úlceras tróficas na pele das pernas, que crescem com o tempo. Essa condição é perigosa porque uma infecção pode entrar nas úlceras.

Os especialistas observam que essa patologia em cada pessoa tem características individuais. Mas os sintomas gerais da dermatite varicosa são os seguintes:

Para o tratamento e prevenção de DERMATITE e outras doenças de pele, nossos leitores usam com sucesso o método de Elena Malysheva. Depois de estudar cuidadosamente esse método, decidimos oferecer sua atenção.

  • coceira, que se intensifica à noite;
  • descoloração da pele nas pernas (cianose, vermelhidão);
  • uma sensação de peso nos membros inferiores;
  • inchaço das pernas e tornozelos;
  • descamação da pele;
  • erupção cutânea escamosa;
  • dor e pernas cansadas;
  • cicatrização lenta de feridas;
  • a formação de úlceras.

A dermatite venosa deve ser tratada precocemente. O tratamento prematuro leva a processos indesejáveis, que levarão muito tempo para serem eliminados.

Princípios de se livrar da doença

Nas primeiras manifestações da doença, você deve consultar um médico que deve diagnosticar dermatite e prescrever um tratamento abrangente. A terapia inclui métodos para combater a doença primária e eliminar os sintomas da própria dermatite. Existem muitos medicamentos e receitas da medicina tradicional para melhorar a condição.

para conteúdo ↑ Medicamentos

Venotônico. Os medicamentos estão disponíveis na forma de cápsulas, drágeas e comprimidos para administração oral. Existem também suplementos alimentares que têm um efeito venotônico. Para uso local, são usados ​​géis e pomadas.

Venotonics contêm substâncias ativas que afetam positivamente o tônus ​​vascular:

  • Diosmina e Hesperidina. Eles tratam processos patológicos no sistema vascular, aliviam síndromes de dor e peso nas pernas e eliminam distúrbios tróficos.
  • Troxerutina. Ele lida com as manifestações da dermatite varicosa e também melhora a condição com varizes.
  • Rutozide. Ajuda a reduzir a fragilidade vascular, melhora a composição do sangue.
  • Componentes da planta. Aliviar o inchaço, tem efeitos anti-inflamatórios e venotônicos.
  • Hesperidina
  • Diosmin
  • Vazoket
  • Diosmin
  • Diovenor 600
  • Venus
  • Detralex
  • Phlebody 600
Venozol
Troxerutina
  • Forte de Ginkor
  • Troxevasina (cápsulas)
  • Troxerutin Vramed
  • Troxevasina (gel)
  • Ginkor gel
  • Troxerutina 2%
Rutoside Anavnol Venoruton
Componentes vegetais (extratos de trevo doce, castanha da Índia, folhas de uva) Venoplant
  • Venitan
  • Antistax

Também são utilizados produtos externos que contêm heparina, o que evita trombose:

Tais drogas normalizam o fluxo sanguíneo, aliviam o processo inflamatório e contribuem para a eliminação do congestionamento.

para conteúdos ↑ Pomadas

A escolha de tais ferramentas é muito ampla e diversificada.

Hidratante. No estágio inicial da dermatite venosa, a pele é hidratada com cremes especiais para evitar que seque. Eles incluem pantenol, gorduras naturais e vitaminas.

Feedback do nosso leitor – Irina Chernova

Recentemente, li um artigo que fala sobre o remédio natural Cream-wax "Saudável" da dermatite. Usando este creme, você pode se livrar de DERMATITA em casa em pouco tempo.

Eu não estava acostumado a confiar em nenhuma informação, mas decidi verificar e encomendar um pacote. Notei mudanças dentro de uma semana: coceira, erupções cutâneas e inchaço diminuíram. Após 2 semanas de uso, a dermatite desapareceu quase completamente e a pele após o creme ficou macia. Experimente e você, e se alguém estiver interessado, clique no link para o artigo abaixo.

Ao usar essas pomadas, você deve estudar as instruções – muitas delas contêm componentes que podem causar reações alérgicas (por exemplo, manteiga de amendoim).

Hormonal Na forma aguda da doença, além de cremes e géis venotônicos, pomadas combinadas ou hormonais são usadas:

Eles aliviam a coceira, diminuem o descamação e combatem o processo inflamatório. Meios com corticosteróides devem ser aplicados nas áreas afetadas nas áreas de vasodilatação.

Cicatrização de feridas. Com a formação de feridas e úlceras, a pele das pernas é recomendada por especialistas para lubrificar com agentes antiexudativos. Muitos deles contêm zinco, naftaleno, alcatrão.

Os seguintes medicamentos são populares:

Com úlceras. No tratamento de úlceras tróficas, cremes com íons de prata (Dermazin e Argosulfan) são usados. Você pode tratar as áreas danificadas da pele com pomadas em qualquer estágio do desenvolvimento da doença.

↑ Outros métodos de tratamento medicamentoso

Para se livrar da coceira intensa, os anti-histamínicos são prescritos:

Entre as pomadas anti-histamínicas, o Fenistil gel e a pomada Demidrol têm uma vantagem.

  • Se necessário, o médico pode prescrever antibióticos (ação local – sulfadiazina de prata, mupirocina, uma ampla gama – medicamentos com cefalosporina).
  • Tranquilizadores são prescritos para dor intensa, agitação do paciente.
  • Os sedativos são tomados durante o período de sintomas agudos de dermatite venosa (com base em valeriana, espinheiro).
  • ↑ Procedimentos fisioterapêuticos

    Um flebologista indica tais procedimentos. Eles são realizados no departamento de fisioterapia de uma instituição médica:

    • terapia de higiene;
    • eletroforese;
    • banhos com oxigênio;
    • darsonvalização;
    • procedimentos de terapia de ozônio;
    • terapia com magneto e laser;
    • balneoterapia;
    • Terapia de exercício.

    para conteúdos ↑ Meios especiais de compressão

    Para dermatites causadas por varizes, deve-se usar roupas de compressão. Quando os vasos dilatados são comprimidos, a circulação sanguínea nas veias melhora.

    Você pode usar meias especiais, meias ou calças justas até o joelho, além de envolver as pernas com bandagens elásticas. Eles efetivamente facilitam o processo de circulação sanguínea. O uso de tais produtos deve ser aprovado por um especialista.

    Na ausência de feridas úmidas, podem ser prescritos curativos com substâncias medicinais.

    Para o tratamento de DERMATITE na pele, Elena Malysheva recomenda um novo método à base de creme de cera. Contém cera de abelha, extrato de própolis e 8 plantas medicinais úteis, extremamente eficazes no tratamento de DERMATITA em humanos. Neste caso, apenas componentes naturais são usados, sem química e hormônios!

    Leia sobre a técnica de Malysheva …

    Nos casos graves da doença, é indicada intervenção cirúrgica.

    ↑ Como tratar remédios populares?

    Na medicina popular, existem muitas receitas para combater a dermatite venosa.

    Recomenda-se que os alimentos que contenham rutina sejam incluídos na dieta:

    • Pimenta búlgara;
    • chokeberry;
    • trigo mourisco

    Os remédios populares tratam a doença primária e os sintomas da dermatite com varizes.

    O tratamento da dermatite venosa nas pernas é realizado por uma abordagem integrada. Mas é melhor prevenir a doença do que tratá-la mais tarde.

    É importante consultar um médico a tempo de patologias do sistema vascular, usar sapatos confortáveis, andar com mais frequência, praticar esportes e prevenir varizes.

    Você ainda acha que é impossível se livrar da dermatite?

    A julgar pelo fato de que você está lendo estas linhas agora – a vitória na luta contra a DERMATITE ainda não está do seu lado … A dermatite pode progredir e se tornar crônica.

    • bolhas de bolhas vermelhas …
    • coceira intensa …
    • rachaduras …
    • descascando …
    • dor e desconforto …

    Todos esses sintomas lhe são familiares em primeira mão !? Quanto dinheiro você "vazou" para fundos ineficientes? Mas é possível tratar a causa e não o efeito? Recomendamos a leitura do segredo para curar a dermatite de Elena Malysheva. Leia o artigo >>

    Editor do projeto DoloyPsoriaz.ru

    A dermatite varicosa dos membros inferiores é uma doença venosa crônica causada por fluxo sanguíneo prejudicado e estase sanguínea nos vasos das extremidades inferiores. Daí o segundo nome dessa dermatite: congestiva ou venosa.

    Dermatite varicosa ocorre devido à estagnação dos vasos

    Esta doença afeta pessoas de ambos os sexos, categorias de meia-idade e idade avançada. Mas, em maior medida, essa dermatite é diagnosticada em mulheres. Esta doença pode trazer sérias conseqüências, até a incapacidade, portanto o tratamento deve ser iniciado o mais rápido possível.

    As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

    Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

    Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

    Causas da ocorrência e desenvolvimento de varizes nas pernas

    As causas mais comuns de dermatite varicosa incluem:

    • Trombose venosa dos vasos sanguíneos.
    • Veias varicosas.
    • Várias doenças de natureza infecciosa.
    • Lesões nas pernas posteriormente danificadas pelas veias.
    • Insuficiência venosa crônica.
    • Diabetes mellitus
    • Doenças do sistema endócrino (diabetes mellitus).

    Assim como doenças concomitantes em pessoas propensas a dermatite varicosa, geralmente obesidade ou aterosclerose.

    Pessoas com diabetes são propensas a varizes

    Quem está em risco

    • Gravidez, parto.
    • Predisposição hereditária.
    • Cargas estáticas longas.
    • Lesões nas extremidades inferiores.
    • Imunidade enfraquecida.
    • Violações do sistema cardiovascular.
    • Sintomas e quadro clínico das pernas varicosas

    Sintomas físicos da dermatite varicosa

    Para cada pessoa, as manifestações da dermatite venosa são individuais, mas há vários sintomas comuns, associados principalmente a alterações na condição da pele das extremidades inferiores:

    • Inflamação da pele nas pernas e tornozelos. Em locais de inflamação, a pele fica quente e muda de cor para vermelho-púrpura.
    • Há também um prurido constante constante, o que esgota ainda mais o paciente.
    • Pode ocorrer inchaço nas extremidades inferiores. Às vezes, o edema pode ser muito forte, é necessária medicação com diuréticos.
    • A formação de bolhas na pele. Eles abrem, formando uma crosta ou passam por conta própria.
    • A pele tem uma aparência áspera, torna-se seca, áspera, as manchas aparecem com uma tonalidade marrom.
    • Com o estágio avançado da doença, podem ocorrer úlceras ou áreas não ameaçadoras.
    • A dermatite venosa nas pernas se desenvolve em várias etapas. Obviamente, o tratamento deve ser iniciado o mais cedo possível ao primeiro sinal de doença. Certifique-se de procurar o aconselhamento de um especialista qualificado.

    A dermatite varicosa nos estágios iniciais manifesta-se por edema e coceira

    O primeiro estágio

    Na primeira fase da doença, aparecem os principais sinais de dermatite venosa nas pernas: a pele muda de cor para vermelho-púrpura, aparecem descamação e coceira. Tudo isso acontece em torno de varizes.

    Segunda etapa

    Se as medidas não forem tomadas a tempo e um médico não for consultado, a doença flui para o segundo estágio. Nesse estágio, começa a ocorrer edema de partes moles, associado ao comprometimento do fluxo linfático. O peeling ocorre com focos, a dor e a coceira se intensificam.

    O terceiro estágio

    O terceiro estágio da dermatite venosa envolve o aparecimento de pequenas vesículas preenchidas com um líquido claro, a pele adquirindo uma tonalidade acastanhada (isso ocorre devido a uma violação da conversão da hemoglobina). Nesta fase, as vesículas se abrem e formam áreas úmidas, intensificando a coceira.

    Quarta etapa

    No último estágio, observa-se o aparecimento de úlceras venosas. Sem tratamento adequado, as úlceras podem apodrecer e causar infecção no corpo.

    Dermatite se desenvolve em torno de veias dilatadas

    Diagnóstico de varizes

    IMPORTANTE! Para fazer um diagnóstico e prescrever um curso de tratamento adequado, você deve entrar em contato com um especialista qualificado.

    Cada paciente tem seus próprios sintomas e manifestações da doença. O médico realiza um exame físico; algumas vezes, exames laboratoriais adicionais podem ser necessários para confirmar a presença da doença.

    Um teste de alergia também é realizado. Se o teste der um resultado positivo, os alérgenos são identificados e uma lista de medidas necessárias para se livrar dos alérgenos na vida cotidiana é compilada.

    Tratamento de dermatite venosa

    O tratamento desta doença deve ser iniciado nos estágios iniciais. O objetivo do tratamento é identificar a causa da doença e prevenir suas complicações.

    As principais tarefas do médico são:

    • Reforçar as paredes vasculares.
    • Melhorando o fluxo sanguíneo venoso nas extremidades inferiores.
    • Recuperação de fluxo de linfa.
    • Cura da pele afetada.

    Como a dermatite pode ser curada com varizes:

    Hidratar a pele regularmente

    É necessário hidratar a pele para evitar a formação de úlceras, descamação e secagem. A hidratação ocorre aplicando cremes especiais na superfície afetada. Eles aliviam a inflamação, têm um efeito anti-séptico e melhoram o fluxo de água, o que permite remover o inchaço nas extremidades inferiores.

    A aplicação de um creme especial ajudará a hidratar a pele

    Tratamento com pomadas esteróides

    O tratamento da dermatite varicosa com esse método geralmente tem boas consequências. Mas não é recomendável usar drogas esteróides sem consultar um médico profissional.

    Vestindo roupas de compressão

    Usar meias de compressão especiais que normalizam a circulação sanguínea nas pernas pode ter um efeito muito positivo nas pernas do paciente com dermatite venosa.

    Ao longo do dia, você precisa estar nesta cueca médica, é necessário removê-la apenas ao realizar procedimentos com água. Durante o descanso, é recomendável levantar um pouco as pernas para que o excesso de líquido não se acumule e o inchaço não ocorra.

    Se você não tem feridas úmidas, o médico pode recomendar que você use um curativo especial que será umedecido com zinco.

    Este método de tratamento é usado em estágios avançados de dermatite venosa. Antes de aplicar sobre esse método, é feita uma avaliação das condições gerais do sistema venoso usando ultra-som.

    Terapia a vácuo gradiente

    Com este método, a circulação sanguínea melhora o fluxo linfático, o inchaço desaparece.

    A terapia a vácuo com gradiente ajuda a aliviar o inchaço

    Recomendações gerais para o tratamento da dermatite venosa

    Além do tratamento medicamentoso (uso de pomadas ou cremes especiais), é recomendável seguir as seguintes recomendações:

    1. Tente perder peso, se houver.
    2. Use roupas que não machuquem a pele e se ajustem perfeitamente a elas.
    3. Escolha sapatos sem salto alto (máximo de 4-5 cm).
    4. Levar um estilo de vida móvel, escalar mais e apenas andar. Durante a contração muscular da panturrilha, o sangue é empurrado para cima. Isso ajuda a melhorar a circulação sanguínea nas extremidades inferiores.
    5. Adicione à sua dieta uma rotina rica em groselha (groselha, trigo sarraceno, damasco, cerejeira, dogrose e outros; uma lista completa pode ser encontrada na Internet).
    6. Obtenha um novo meio para lavar os pés, que não conterá álcalis.

    Sempre que possível, tente manter as pernas elevadas.

    Damascos – um produto de rotina rico

    No tratamento com medicamentos, são utilizados vários géis, cremes, pomadas (para uso tópico externo e comprimidos (uso interno) .Todos esses medicamentos podem ser divididos em grupos:

    Esses medicamentos incluem Troxevasin, Venorutin, Venozol (pomadas e géis), Detralex e Venaru (comprimidos)

    Cremes hidratantes

    A composição desses cremes inclui várias vitaminas, pantenol e gorduras naturais. Já escrevemos sobre a ação deles acima.

    Pomadas que aliviam a inflamação

    Este grupo inclui Voltaire e seus análogos

    Para uso externo, são usadas pomadas contendo preparações hormonais. Este tipo de medicamento deve ser aplicado com uma camada leve nas áreas afetadas da pele. Representantes: Fluorocort, Advarta, etc.

    Essas pomadas contêm zinco, naftaleno e alcatrão. Eles devem ser usados ​​para úlceras (Bipanten, Derzhavin, Sococeril).

    Mas também no tratamento da dermatite varicosa, anti-histamínicos (Suprastin) e tranqüilizantes (Levomekol) são usados ​​para dores graves.

    Levomekol irá aliviar a dor intensa

    Como tratar a dermatite venosa com remédios populares

    Para o tratamento da dermatite varicosa, bem como para o tratamento de outras doenças, existem muitos métodos alternativos e "receitas da avó". Vamos falar sobre os mais populares deles:

    Tintura de castanha

    Esta ferramenta ajudará a lidar com o inchaço e a inflamação nas doenças das pernas.

    Como cozinhar: tome álcool e misture com frutas de castanha picada na proporção de 1:10. Coloque-o em um local escuro por uma semana e, em seguida, tome dez gotas antes de cada refeição.

    Tratamento de folhas de repolho

    Folhas de couve são muito eficazes no tratamento desta dermatite. Coloque-os no freezer, prenda-os à área afetada da perna à noite e prenda com um curativo. Deixe até a manhã. Este procedimento deve ser repetido por um mês.

    Faça uma tintura de noz-moscada para tratar a dermatite venosa.

    Preparação: misture vodka e noz-moscada picada na proporção de 1: 5. Coloque em um local escuro por duas semanas de tempos em tempos, agite a tintura.

    Aplicação: coma 20 gotas antes das refeições, três vezes ao dia.

    Tintura de alho e mel

    Outro remédio eficaz da avó é como tratar a dermatite varicosa.

    Preparação: tome mel (350 gramas) e alho (250 gramas). Misture. O mel importante deve ser fresco e líquido. Insista uma semana e, em seguida, tome uma colher de chá antes das refeições, três vezes ao dia, durante dois meses.

    Mel e alho – componentes da tintura medicinal

    Tratamento por lumbago meadow

    Esta erva ajuda a aliviar a inflamação e a restaurar o tônus ​​do leito venoso, além de mostrar suas propriedades bactericidas nas úlceras.

    Preparação: grama picada e seca (1 colher de chá) despeje em uma garrafa térmica e despeje água fervente (200 ml).

    Aplicação: pode ser aplicado por dentro e por fora. Tome quatro vezes ao dia para uma colher de sopa de infusão antes das refeições e faça compressas e loções nos pés doloridos.

    Terapia ocupacional (tratamento com sanguessugas)

    Nanovein  Dicas de tratamento

    Este método é utilizado desde os tempos antigos e eles tratam um grande número de doenças. Ele, como nenhum outro, estabeleceu-se bem e até hoje goza de grande popularidade. A saliva das sanguessugas tem propriedades curativas e desinfetantes.

    Concluindo, gostaria de observar que o tratamento deve ser iniciado prematuramente. Dermatite, como outras doenças de pele, não é tratada em um dia, mas quanto mais você hesitar em ir ao médico, mais negligenciará sua doença. Recomendamos o uso de medicina tradicional em combinação com medicamentos tradicionais e, em seguida, você pode se gabar rapidamente do resultado final.

    Não se esqueça de caminhadas, alimentação saudável, sapatos confortáveis ​​e roupas confortáveis. Faça exercícios matinais e não recuse cargas viáveis. Tudo isso tem um efeito benéfico no sistema vascular e no tratamento da dermatite varicosa.

    Inscreva-se Mantenha-se atualizado com as últimas notícias em nosso site.

    Dermatite varicosa é uma inflamação da pele das extremidades inferiores.

    Nas varizes, o sangue estagna nas veias das pernas, resultando em distúrbios metabólicos nas camadas superficiais da pele.

    As pernas incham, a superfície da pele se atrofia. Ela se torna esbranquiçada. Muitas vezes, a doença começa com a região do tornozelo, eventualmente subindo. Com lesões graves, formam-se úlceras tróficas.

    Causas e sinais da doença

    Na maioria dos casos, a doença ocorre devido à insuficiência venosa crônica. Seu desenvolvimento está associado à inferioridade hereditária das paredes e válvulas vasculares. No entanto, nem todas as pessoas com insuficiência venosa das pernas sofrem de dermatite.

    Os seguintes fatores provocam sua ocorrência:

    • excesso de peso;
    • complicações após o parto;
    • trabalho associado a estar na posição vertical.

    As válvulas intravenosas começam a fechar mal. Nesse caso, o fluxo sanguíneo das extremidades inferiores para a metade direita do coração é impedido. Aparecem sintomas característicos. O sangue estagna nas veias das pernas, não garantindo a saturação total dos tecidos com nutrientes. O excesso de líquido se acumula nos espaços intercelulares, resultando em inchaço das pernas. Com uma forma progressiva da doença, o funcionamento dos vasos é perturbado.

    Além disso, o desenvolvimento da doença é afetado por:

    • situações estressantes frequentes, distúrbios funcionais do sistema nervoso;
    • más condições ambientais;
    • tendência a irritar a pele com produtos de borracha.

    São distinguidas duas formas de dermatite varicosa:

    • irritável (ocorre quando em contato com substâncias irritantes, especialmente ácido da bateria);
    • alérgico (sua causa é o contato com moedas, jóias, botões).

    Além disso, a dermatite varicosa geralmente ocorre em pessoas com defeitos de pele. Com sua secura constante, a nutrição é perturbada, o que leva ao desenvolvimento do processo inflamatório.

    Como já mencionado, os sintomas da doença incluem inchaço, descamação do epitélio, úlceras tróficas. Com a disfunção vascular, as veias das extremidades inferiores se expandem e o sangue estagna.

    No momento, ocorrem os seguintes sintomas:

    • vermelhidão da pele;
    • comichão na pele, especialmente na área dos vasos afetados;
    • alisar o tecido da pele com a aparência de um brilho esbranquiçado;
    • o aparecimento de pequenas bolhas desaparecendo por conta própria.

    Todos esses sintomas indicam dermatite varicosa. Quando eles são identificados, o tratamento deve começar. Se a terapia não foi iniciada, a doença progride. Os seguintes sintomas aparecem:

    Revisão do nosso leitor – Alina Mezentseva

    Recentemente, li um artigo que fala sobre o creme natural “Bee Spas Chestnut” para o tratamento de varizes e limpeza de vasos sanguíneos de coágulos sanguíneos. Com este creme, você SEMPRE poderá curar a VARICOSE, eliminar a dor, melhorar a circulação sanguínea, aumentar o tônus ​​das veias, restaurar rapidamente as paredes dos vasos sanguíneos, limpar e restaurar varizes em casa.

    Eu não estava acostumado a confiar em nenhuma informação, mas decidi verificar e encomendar um pacote. Notei as mudanças em uma semana: a dor desapareceu, as pernas pararam de "zumbir" e inchar e, após duas semanas, os cones venosos começaram a diminuir. Experimente e você, e se alguém estiver interessado, clique no link para o artigo abaixo.

    • aumento da coceira;
    • o aparecimento de um grande número de vesículas que podem se abrir com a formação de feridas;
    • azulamento e endurecimento da área afetada;
    • o aparecimento de úlceras que cicatrizam mal, mesmo ao usar agentes de cicatrização.

    Terapia da doença

    O tratamento da dermatite varicosa visa melhorar o fluxo sanguíneo nas veias das extremidades inferiores e a eliminação dos fenômenos inflamatórios. A doença é tratada com métodos conservadores e cirúrgicos. A terapia conservadora costuma ser suficiente. O tratamento cirúrgico é realizado apenas em casos graves. O tratamento conservador inclui o uso de meias de compressão e o uso de vários medicamentos tópicos e gerais.

    O tratamento começa com a nomeação de venotônicos. Esses fármacos contribuem para a normalização do estado de estenose vascular, melhora de sua elasticidade e permeabilidade. Após o tratamento, os vasos ficam mais fortes.

    Venotonics pertencem a: Detralex, Venarus, Venozol. Todos esses fundos estão disponíveis em tablets. Kurstherapiya é de pelo menos 1 mês, o que depende da gravidade da doença. Medicamentos antialérgicos (Suprastin, difenidramina) são prescritos para aliviar a coceira.

    Cremes e pomadas hormonais são projetados para aliviar os sintomas inflamatórios. Vamos considerar com mais detalhes os mais populares deles:

    Prednisona. É um análogo sintético da cortisona e hidrocortisona produzido pelo córtex adrenal. Alivia a coceira e a vermelhidão, normalizando a condição da pele. Como a pomada contém hormônios, o período máximo de uso não deve exceder 14 dias.

    Para o tratamento de VARICOSE e limpeza de vasos sanguíneos de coágulos sanguíneos, Elena Malysheva recomenda um novo método baseado em Creme de Varizes. Consiste em 8 plantas medicinais úteis, extremamente eficazes no tratamento da VARICOSE. Neste caso, apenas componentes naturais são usados, sem química e hormônios!

    Leia sobre a técnica de Malysheva …

    Depois disso, você deve trocar o medicamento ou fazer uma pausa por 2-3 semanas. Os efeitos colaterais da droga incluem disfunção menstrual em mulheres, ocorrência de erupção cutânea, aumento acentuado de peso e insuficiência renal. Não pode ser utilizado para patologias cardiovasculares e endócrinas graves, nem durante a gestação.

    Advantan. Creme gordo para o tratamento da dermatite. É aplicado em faixas estreitas nas áreas afetadas 3-4 vezes por semana. A eficácia do tratamento pode ser avaliada um mês após o início do uso. O creme contribui para a necrose do epitélio escamoso e sua substituição por uma pele saudável.

    Além de medicamentos hormonais, pomadas e cremes não hormonais são amplamente utilizados. Sua vantagem é a completa segurança para o corpo. A desvantagem é que várias vezes ao dia são necessárias para alcançar o efeito.

    Mais comumente usado:

    Muitos de nossos leitores para o tratamento de VARICOSE aplicam ativamente o conhecido método baseado em ingredientes naturais, descoberto por Elena Malysheva. Recomendamos que você se familiarize com isso.

    Leia sobre o novo método Malysheva …

    Tampa da pele Tratamento altamente eficaz para manifestações cutâneas de estase venosa das pernas. O creme possui atividade antimicrobiana e antifúngica. O tratamento medicamentoso não deve durar mais de 1 mês.

    O agente é aplicado na área afetada diariamente de manhã e à noite. É contra-indicado para pessoas com sensibilidade aos componentes do medicamento.

    Dermasan. Um medicamento eficaz para o tratamento de casos não em execução de dermatite varicosa. Promove a cicatrização de pequenas feridas. É aplicado 2-3 vezes ao dia. Os efeitos colaterais incluem uma alergia a um dos componentes da droga.

    Portanto, primeiro é aplicado a uma pequena área. Se após 15 a 20 minutos não houver alterações na pele, o medicamento poderá ser aplicado em toda a área danificada. O medicamento é contra-indicado durante a gravidez e no período de lactação.

    Até o momento, não foram encontrados métodos para prevenir o eczema varicoso, mas as mudanças no estilo de vida são a primeira linha de defesa no controle do eczema, independentemente de a doença ser leve, moderada ou grave.

    Você ainda acha que se livrar de varizes é IMPOSSÍVEL!?

    Você já tentou se livrar da VARICOSE? A julgar pelo fato de você estar lendo este artigo, a vitória não estava do seu lado. E é claro que você sabe em primeira mão o que é:

    • sensação de peso nas pernas, formigamento …
    • inchaço das pernas, pior à noite, veias inchadas …
    • solavancos nas veias dos braços e pernas …

    E agora responda à pergunta: isso combina com você? TODOS ESTES SINTOMAS podem ser tolerados? E quanto esforço, dinheiro e tempo você "vazou" para tratamento ineficaz? Afinal, mais cedo ou mais tarde A SITUAÇÃO SERÁ AFETADA e apenas a intervenção cirúrgica será a única saída!

    É isso mesmo – é hora de começar a acabar com esse problema! Você concorda? Por isso, decidimos publicar uma entrevista exclusiva com o chefe do Instituto de Flebologia do Ministério da Saúde da Federação Russa – V.M. Semenov, no qual ele revelou o segredo de um método barato de tratamento de varizes e restauração completa dos vasos sanguíneos. Leia a entrevista …

    Lagranmasade Portugal