Como lidar com varizes em casa

Doenças das veias das extremidades inferiores são extremamente comuns. No entanto, após detectar sinais de dano, nem todo mundo sabe o que causa a piora da condição, como os sintomas podem se desenvolver, o que você deve prestar atenção, o que ajuda o médico a estabelecer o diagnóstico correto, como lidar com varizes nas pernas e se sua ocorrência pode ser evitada.

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Causas da doença

A principal causa de varizes é considerada inferioridade hereditária da parede venosa. Esta patologia está associada à proteína de colágeno. O sangue subindo pelas veias para o coração supera o efeito da gravidade. Os músculos da panturrilha a ajudam a se mover. A corrente reversa é impedida por válvulas nas paredes das veias. Carga excessiva nas pernas leva ao alongamento das paredes dos vasos sanguíneos, comprometimento da válvula, há um fluxo reverso de sangue. A ocorrência de varizes é provocada por:

  • excesso de peso;
  • riscos industriais;
  • alterações hormonais nas mulheres (tomando contraceptivos, puberdade, gravidez, menopausa);
  • alcoolismo;
  • má nutrição;
  • doenças endócrinas;
  • trabalho físico duro.

Sintomas de varizes

Para iniciar o combate às varizes em tempo hábil, os pacientes devem saber quais sinais indicarão o início da doença e como os sintomas se desenvolverão.

As primeiras manifestações de danos nas veias são as seguintes:

  • veias de aranha nas pernas, quadris;
  • sensação de peso, "cansaço" das pernas;
  • inchaço dos pés e pernas;
  • cãibras noturnas nos músculos das pernas.

A princípio, os sintomas preocupam os pacientes após um esforço físico significativo e desaparecem após o descanso. Com o desenvolvimento da doença, a condição das veias piora. As varizes progridem:

  • veias dilatadas são visíveis nas pernas e quadris;
  • palpação na projeção de vasos varicosos é dolorosa;
  • inchaço sobe nas pernas, há uma sensação de plenitude nas pernas;
  • cãibras nos músculos da panturrilha são frequentes;
  • a pele das pernas é pigmentada;
  • existem sensações na pele como dormência, "rastejando rastejando".

Nesta fase, os sintomas das varizes não desaparecem após o descanso ou o sono, eles começam a perturbar constantemente.

Um curso prolongado da doença causa alterações irreversíveis nas veias. É assim:

  • as veias das pernas incham, tornam-se frisadas;
  • edema persistente;
  • perturbar sensações desagradáveis ​​da pele, peso, ruptura e dor ao longo das veias;
  • a pele das pernas fica fina, descascando;
  • tecido subcutâneo é compactado;
  • a temperatura dos pés diminui, as pernas ficam "geladas".
Nanovein  Análogos Detralex baratos

Sem tratamento, complicações terríveis se desenvolvem:

diagnósticos

Para receber assistência oportuna, o paciente deve ser submetido a um exame com um flebologista, que inclui:

  1. Converse com um médico (hereditariedade, fatores predisponentes, queixas de saúde).
  2. Flebologista de inspeção.
  3. Realização de laboratório, diagnóstico instrumental para esclarecer o grau e a localização da lesão. Os principais métodos incluem: dopplerografia por ultra-som, pletismografia, varredura duplex de vasos sanguíneos, exame radiopaco, exames de sangue.

Métodos de tratamento

O tratamento de varizes inclui 2 grupos de métodos de tratamento:

  • conservador (medicamentos e vestindo roupas íntimas de compressão);
  • operacional.

Uma parte significativa do tempo, os pacientes recebem terapia em regime ambulatorial, visitando periodicamente um médico para monitorar a condição.

Você não deve lutar sozinho com varizes sozinho em casa – medicamentos ou remédios populares que supostamente ajudaram uma pessoa podem causar danos irreparáveis ​​à saúde de outra.

Medicamentos

A terapia medicamentosa de varizes não pode curar completamente os pacientes, mas permite que você pare o desenvolvimento da doença. Os seguintes grupos de drogas são usados:

  1. Meios que afetam o estado das veias e tecidos circundantes. Esses medicamentos tonificam as paredes dos vasos sanguíneos, reduzem a permeabilidade das veias para as células sanguíneas e o plasma sanguíneo, removem o edema, reduzem a inflamação e impedem que os glóbulos vermelhos e as plaquetas colem nas paredes das veias. Este grupo de medicamentos é recomendado para uso na identificação dos primeiros sintomas de varizes. O tratamento é realizado em cursos. Os meios são prescritos topicamente e para administração oral. Os regimes de tratamento padrão incluem: Detralex, Phlebodia 600, Venarus, Antistax, Troxevasin gel e cápsulas de Troxevasin.
  2. Drogas que atuam no estado do sangue. Sua tarefa é prevenir a desnutrição tecidual e trombose. A questão da duração da terapia e a necessidade de admissão contínua são de responsabilidade do flebologista. Eles recomendam terapia com esses meios: Thrombo Ass, Curantil, Trental.
  3. Terapia com vitaminas. Medicamentos são prescritos além de ativos fixos. O tratamento é recomendado em cursos de 1-1,5 meses. As vitaminas são ingeridas com o objetivo de: estimular a síntese de colágeno dos vasos sanguíneos, melhorar a condição da pele, prevenir danos aos vasos sanguíneos, melhorar a regeneração dos tecidos e combater os sintomas neurológicos. O mais útil para varizes: Ascorutina, vitaminas A, E, vitaminas B (Milgamma, Neuromultivite).
  4. Meios que reduzem as manifestações de dor. Com varizes, esses medicamentos são prescritos por curtos períodos de tempo nas doses mínimas efetivas. (Ketonal, Nurofen).
  5. Medicamentos que aceleram a cicatrização de úlceras tróficas. O produto para uso local estimula a regeneração da pele. Pomada é amplamente utilizada.
  6. Agentes antibacterianos são recomendados em caso de infecção.

Malhas de compressão

Para a prevenção da doença e o combate às varizes das pernas, é necessária seleção adequada e uso constante de roupas íntimas especiais. Produtos de compressão:

  1. Crie suporte para as paredes das veias.
  2. Eles impedem a estagnação com varizes.
  3. Reduzir o inchaço.
Nanovein  As varizes passam

Roupa interior especial é dividida em 2 grupos:

  1. Profilático. Recomendado para pacientes com predisposição para varizes, que estão acima do peso, pessoas que trabalham com riscos ocupacionais, mulheres grávidas saudáveis.
  2. Terapêutico. Esta cueca é dos seguintes tipos: ataduras elásticas, meias até os joelhos, perneiras, meias, collants. O grau de compressão diminui da perna para a coxa. Existem 4 classes de compactação. Com varizes, são recomendadas do primeiro ao terceiro. Jersey da quarta classe de compressão é prescrito para pacientes com anormalidades na drenagem linfática.

É recomendável usar roupas da classe 1:

  • ao primeiro sinal de varizes;
  • hereditariedade onerada para a doença;
  • gestantes;
  • após as operações.

As malhas da classe 2 devem ser usadas:

  • após as operações e na fase de preparação para elas;
  • ao se recuperar de lesões nas pernas;
  • em 2 etapas de varizes;
  • durante a gravidez;

A cueca de grau 3 ajuda os pacientes em caso de:

  • varizes descompensadas;
  • complicações da doença.

As malhas são usadas constantemente, decolando apenas à noite.

terapia cirúrgica

O tratamento cirúrgico ajudará a se livrar completamente das varizes. Os flebologistas recomendam não adiar a procura de ajuda – nesse caso, as manipulações podem ser realizadas em nível ambulatorial com o melhor resultado. Técnicas minimamente invasivas fecham o lúmen das veias afetadas através da introdução de uma substância especial – scerosant ou coagulação da parede. Dependendo do estágio da doença, complicações, os seguintes métodos são usados:

  • Forma de espuma;
  • microscleroterapia ou escleroterapia;
  • coagulação com laser endovasal;
  • decapagem;
  • crossectomy;
  • miniflebectomia;
  • flebectomia.

Prevenção de varizes

Um conjunto de medidas preventivas ajudará a impedir a ocorrência de varizes ou a controlar a doença:

  1. Controle de peso corporal. É necessário calcular o peso ideal e impedir o desenvolvimento da obesidade.
  2. Correção da dieta É necessário excluir pratos fritos e defumados, molhos com alto teor de sal e gordura, monitorar o consumo de uma quantidade suficiente de alimentos protéicos e vegetais não ricos em amido.
  3. Combate a maus hábitos (álcool, tabagismo).
  4. Regime de beber: para o bom trabalho do sistema cardiovascular, são necessários até 2 litros de água pura por dia.
  5. Vestindo roupas íntimas preventivas.
  6. Estilo de vida ativo, exercícios regulares que ajudam os músculos das pernas a bombear sangue pelas veias (bicicleta, natação, Pilates).
  7. Ginástica profilática diária (bicicleta ergométrica, balançar as pernas para os lados, caminhar nos dedos dos pés e nos calcanhares, desenvolvimento da respiração diafragmática).
  8. Chuveiro com contraste.
  9. A prevenção de varizes em mulheres inclui: rejeição de roupas íntimas justas, calças, escolha de sapatos com um sapato confortável, em um salto pequeno (até 4 cm). Com uma predisposição hereditária, deve-se adotar uma abordagem responsável ao uso da contracepção hormonal, usar roupas íntimas de compressão já nos estágios iniciais da gravidez.

A escolha de um estilo de vida saudável, uma atitude atenta às condições das veias nas pernas, acesso oportuno aos cuidados médicos, seguindo as instruções do médico, ajudarão a evitar o aparecimento de uma doença ou o agravamento da condição com varizes.

Lagranmasade Portugal