Causas, sintomas e tratamento de varizes uterinas

As varizes uterinas são consideradas uma das doenças de difícil diagnóstico. Isso é explicado pelo fato de que a doença pode ser assintomática ou ter sinais semelhantes aos sintomas de outras doenças ginecológicas. Segundo as estatísticas, as varizes uterinas ocorrem com mais frequência em mulheres em idade reprodutiva, mas há momentos em que esse diagnóstico é feito em adolescentes. Vale ressaltar que esta doença não está relacionada às varizes pélvicas. Eles diferem no mecanismo de desenvolvimento, no curso da doença e nas possíveis complicações.

As varizes uterinas são consideradas uma das doenças de difícil diagnóstico.

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Causas das varizes uterinas

Uma expansão varicosa envolve o afinamento das paredes das veias e vasos sanguíneos. Como resultado disso, os nódulos se formam devido ao fato de a veia alongar e expandir. Muitas vezes, varizes do útero são combinadas com dilatação das veias do colo do útero e ovário. A varicose afeta não apenas as extremidades inferiores, mas também todos os órgãos da pelve pequena.

As varizes uterinas ocorrem sob a influência de vários fatores estranhos, como:

  • numerosos abortos;
  • processos inflamatórios prolongados do útero;
  • tomar contraceptivos orais e certos medicamentos hormonais;
  • patologia congênita de válvulas venosas;
  • estagnação do sangue da veia ovariana devido a menstruação irregular;
  • gravidez;
  • trabalho pesado.
Nanovein  Faça você mesmo pomada para varizes

Muitas vezes, essa patologia é observada em mulheres que sofrem de varizes nas pernas. Portanto, na presença de varizes nas pernas, um exame adicional por um ginecologista deve ser realizado.

Sintomas da doença

Segundo as estatísticas, na fase inicial do desenvolvimento da doença, apenas 1 em cada 10 mulheres é diagnosticada corretamente, sendo especialmente difícil determinar varizes do útero durante a gravidez, quando a mulher não observa sintomas pronunciados ou está completamente ausente.

Os principais sinais da doença incluem manifestações como:

  1. Irregularidades menstruais. A descarga magra pode permanecer por um longo tempo após a conclusão da menstruação. Às vezes, as manchas não param até a próxima menstruação.
  2. Hipersensibilidade da vagina.
  3. Dor no abdome inferior. Pode aumentar durante ou após a conclusão da relação sexual.
  4. Dor no abdome inferior após intenso esforço físico. A dor pode ser tão forte que uma mulher perde temporariamente sua capacidade de trabalhar.

Com base nos sintomas acima, é impossível fazer um diagnóstico final, pois muitas doenças ginecológicas têm os mesmos sinais de manifestação. A determinação de varizes uterinas tornou-se possível usando o ultrassom, que é realizado de maneira transvaginal. Em alguns casos, um radionuclídeo ou método radiopaco de exame pode ser prescrito a uma mulher para obter resultados mais precisos do estudo. Implica a introdução de um agente de contraste na corrente sanguínea, que enche os vasos e possibilita a presença de patologias.

Tratamento de varizes do útero

Se o diagnóstico de varizes foi feito durante a gravidez, então, devido ao risco para a criança, métodos radicais de tratamento não são prescritos. Uma mulher grávida durante todo o período de gestação deve estar sob a supervisão de um flebologista. Ela é mostrada terapia destinada a eliminar os sintomas e possíveis consequências da doença. Consiste na realização de exercícios de fisioterapia, usando roupas íntimas de compressão e usando uma almofada de látex.

Nanovein  Mel e veias melhoradas ou segredos de apiterapia

Se o diagnóstico de varizes foi feito durante a gravidez, então, devido ao risco para a criança, métodos radicais de tratamento não são prescritos.

De acordo com o testemunho do médico, a venotonia pode ser prescrita no segundo trimestre. Caso a doença progrida rapidamente ou exista uma ameaça de complicações, recomenda-se que uma mulher dê à luz usando cesariana. O trabalho natural pode levar a:

  • trombose da veia ovariana;
  • tromboflebite;
  • insuficiência placentária.

A varicosidade uterina após o parto em algumas mulheres desaparece por si própria ou, inversamente, piora. Um prognóstico prematuro para o curso posterior da doença não pode ser dado por nenhum médico. Tudo vai depender das características individuais do corpo da mulher.

O tratamento de varizes uterinas fora da gravidez começa com métodos conservadores.

São prescritos procedimentos fisioterapêuticos e a administração de drogas venotônicas.

Se o tratamento medicamentoso não der os resultados desejados ou a doença já estiver em estágio avançado, é recomendável que a cirurgia seja realizada. Existem várias maneiras de eliminar essa patologia pelo método cirúrgico. Eles são selecionados pelo médico individualmente para cada mulher. Nos casos mais difíceis, eles recorrem à ressecção da veia ovariana ou do próprio útero.

Esta doença ginecológica é classificada como uma doença perigosa que, com tratamento inadequado ou descontrolado, pode levar a consequências irreparáveis. Portanto, se esse diagnóstico foi feito, o tratamento de varizes deve estar sob a orientação de um médico.

Lagranmasade Portugal