Características do desenvolvimento da varicocele em crianças

Geralmente, uma doença como a varicocele afeta homens adultos, mas há momentos em que as crianças ficam doentes. A varicocele em crianças com menos de dez anos de idade é extremamente rara, mas às vezes ocorre. Quais são as consequências dessa doença completamente infantil, quais são as causas da aparência, serão descritas no artigo.

No artigo, diremos:

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Varicocele em crianças

Sinais desta doença geralmente aparecem durante a puberdade. Mas é importante discernir essa doença em meninos com menos de 10 anos de idade, a fim de iniciar o tratamento o mais cedo possível, a fim de evitar complicações graves.

Primeiro, você precisa descobrir o que é uma varicocele, como se manifesta nos meninos. Essa doença envolve a expansão das veias do cordão espermático, localizado no órgão genital masculino externo – o testículo.

O lado esquerdo do testículo é mais afetado, mas raramente existem casos de lesões bilaterais.

Sintomas e manifestações

Com essa doença, os pacientes sentem vários sintomas, dependendo da gravidade do processo.

As queixas mais comuns da varicocele infantil:

  • puxando dores;
  • desconforto
  • uma sensação de peso no escroto;
  • o tamanho do testículo muda em uma direção menor;
  • sensibilidade à palpação.

A doença é perigosa porque pode causar atrofia testicular, que posteriormente leva à infertilidade. É por isso que é importante perceber e curar a doença a tempo.

Se o tratamento com varicocele for realizado nos primeiros 5 anos desde o início da doença, a probabilidade de infertilidade será reduzida a zero.

causas de

A estrutura dos órgãos genitais nos meninos é tal que o testículo esquerdo é mais baixo que o direito, de modo que a veia nele é mais longa. Se ao mesmo tempo a criança é propensa a um estilo de vida sedentário e excesso de peso, a patologia se desenvolve.

Além disso, a localização dos rins é de grande importância, às vezes acontece que um rim está localizado acima do outro. Isso também afeta o desenvolvimento da doença, pois, como resultado, a veia é dobrada e deformada.

Aqui estão algumas das causas da varicocele:

  • omissão do rim;
  • inflamação do trato geniturinário;
  • veias espremendo;
  • fraqueza da parede venosa;
  • patologia congênita dos órgãos genitais.

O desenvolvimento desta doença é influenciado por fatores diretos (anomalia congênita dos órgãos genitais) e por fatores (como excesso de peso, inatividade física). Se uma varicocele for detectada, esse não é um motivo de pânico; a medicina moderna pode ajudar a evitar sérias conseqüências. Além disso, a probabilidade de infertilidade é mínima.

Nanovein  Sintomas, graus e tratamento de varizes esofágicas

Graus de desenvolvimento

A doença tem três graus:

  1. Na primeira etapa, o paciente não apresenta queixas, a expansão pode ser vista apenas durante a tensão da prensa abdominal.
  2. No segundo estágio, a expansão das veias é visível, elas podem ser sentidas. Além disso, a deformação testicular é visualmente perceptível. O menino reclama de puxar dores.
  3. No terceiro grau, o tamanho do testículo varia acentuadamente, as veias são visualmente impressionantes.

Quando as primeiras manifestações aparecerem, você deve consultar imediatamente um médico que agendará um exame. Às vezes, a varicocele pode ocorrer mesmo em bebês recém-nascidos. Mas na maioria das vezes ocorre em homens jovens durante a puberdade, nos meninos essa doença ocorre em 5% dos casos.

diagnósticos

Primeiro, um exame visual é realizado por um especialista, geralmente um cirurgião ou um urologista examina o paciente. Pede-se ao menino que fique de pé, a condição do escroto é avaliada primeiro, sem tensão da prensa, depois com tensão. Em seguida, o paciente é solicitado a deitar de costas, observando uma alteração nas veias do testículo.

Após esse exame, um diagnóstico pode ser feito, mas métodos adicionais de exame podem ser prescritos para confirmá-lo. São eles: ultrassom, dopplerografia dos vasos escrotais.

Métodos para o tratamento da varicocele

Até o momento, a varicocele não é tratada com métodos conservadores, apenas a intervenção cirúrgica é usada.

Não ignore nem mesmo os primeiros estágios da doença em meninos. A cirurgia pediátrica é dividida em dois métodos: obstrutivo e não obstrutivo. Obstrutivo, ao contrário do obstrutivo, interrompe o fluxo sanguíneo.

  1. Laparoscopia.
  2. Operação aberta
  3. Esclerose das veias.

O método não obstrutivo normaliza a saída de veias sem comprometimento do fluxo sanguíneo.

Como é a operação?

A laparoscopia é a melhor maneira de tratar a varicocele em crianças. Para fazer isso, várias pequenas perfurações são feitas no estômago, através das quais uma sonda e ferramentas especiais são inseridas. Com a ajuda de sua veia afetada é puxada.

Todo o procedimento não leva mais de vinte minutos, não é necessário prepará-lo. A perda de sangue durante esta operação é mínima. Um dia depois, a criança é libertada em casa.

Uma operação aberta é realizada com mais perda de sangue, as incisões já são mais significativas do que com a laparoscopia. A veia afetada é removida e enfaixada.

Quando esclerosante, um cateter é inserido na veia com uma substância especial que interrompe o fluxo sanguíneo.

O objetivo da operação com varicocele é excluir a veia alterada do processo de saída de sangue do testículo.

Todos os tipos de operações com varicocele são simples, portanto, não tenha medo deles. Algumas mães ouvem os caprichos das crianças que têm medo de ir ao hospital e, por isso, adiam o tratamento desta doença.

Eles fazem errado, porque a doença piora com o tempo, o grau de desenvolvimento entra no último, o que complica o tratamento. Como resultado, os meninos podem desenvolver infertilidade na idade adulta. Para evitar isso, é necessário iniciar imediatamente o tratamento após o diagnóstico.

Nanovein  Edema dos pés com tratamento de varizes eficaz

Pós-operatório e complicações

Após a varicocelectomia, que é realizada sob anestesia local, é necessária terapia.

  • antibióticos;
  • analgésicos;
  • fármacos anti-inflamatórios não-esteróides;
  • vitaminas;
  • imunomoduladores.

O curativo estéril deve ser trocado após XNUMX horas e trocado após três dias. No primeiro dia após a cirurgia, os movimentos dos pacientes são limitados. Então você precisa tentar se levantar e andar usando um curativo especial para o escroto (supensório). Ajuda a aliviar a tensão muscular e reduzir a dor.

A operação pode causar complicações na forma de:

  • hidrocele (hidropisia do testículo);
  • prostatite;
  • inflamação dos órgãos pélvicos;
  • lymphostatus;
  • hemorragia interna;
  • infertilidade.

Com hidropisia, os sintomas aparecem:

  • dor no escroto;
  • edema;
  • vermelhidão da pele do escroto.

Se tais manifestações ocorrerem, você deve consultar imediatamente um médico. Usar Supensoria ajudará a evitar hidropisia.

Para evitar outra complicação formidável após a operação – tromboembolismo, é necessário mostrar ao cirurgião a cada seis meses e depois a cada 2 anos. É proibido no futuro fazer musculação e outros esportes de força.

Após a alta em casa, recomenda-se que sejam seguidas as seguintes regras:

  1. Observe a rotina diária.
  2. Descanse com mais frequência.
  3. Beba mais água limpa.
  4. Dê um passeio ao ar livre diariamente.
  5. Siga uma dieta (recusar alimentos gordurosos, fritos, salgados e picantes).
  6. Tome laxantes para constipação.
  7. Para dor, coloque uma garrafa de gelo no escroto por dez minutos.

Se as costuras estiverem firmes, você não poderá tomar banho ou tomar banho por dois dias. Também é necessário monitorar o esvaziamento adequado da bexiga.

Freqüentemente, com varicocele, métodos fisioterapêuticos são usados ​​para tratar congestão no escroto.

Na fisioterapia, geralmente são prescritos os seguintes:

  • terapia magnética;
  • terapia com laser;
  • eletroforese.

A fisioterapia ajuda a reduzir a dor, prevenir a recaída.

Medidas preventivas

Para evitar complicações nas operações e recaídas, é importante seguir algumas regras.

  1. Siga todas as recomendações do seu médico.
  2. Tome todos os medicamentos prescritos pelo seu médico.
  3. Evite excesso de trabalho.
  4. Mantenha as costuras limpas e secas.
  5. Certifique-se de que a criança não corra muito.
  6. Muitas vezes visto por um médico.
  7. Ao primeiro sinal de uma complicação, deve-se ir ao hospital.

É importante envolver a criança no esporte, a fim de evitar recaídas.

Para evitar a varicocele, você deve seguir as regras:

  1. Levar um estilo de vida ativo.
  2. Acompanhe o peso, evite comer demais.
  3. Mais frequentemente examinado.
  4. Para malformações congênitas dos órgãos genitais, consulte um médico.
  5. Coma direito.
  6. Evite excesso de trabalho.

Às vezes, um médico com varicocele em uma criança adia a operação até a puberdade. Em cada caso, você precisa de sua própria abordagem para uma doença tão séria, por isso precisa consultar um médico.

Se o médico aconselhar a operação, você não pode hesitar e recusar. O futuro da criança depende em grande parte de seus pais. Isso é importante lembrar!

Lagranmasade Portugal