A operação estragará a aparência de como sobreviver à remoção dos dentes da frente

A preservação dos dentes é a principal tarefa dos dentistas, necessária para não interferir nas funções de mastigação e fala.

A extração dos dentes da frente é uma medida necessária. A extração é realizada quando não é possível salvar o dente, e uma destruição maior pode levar a várias complicações.

As varizes são facilmente eliminadas sem cirurgia! Para isso, muitos europeus usam Nanovein. Segundo os flebologistas, este é o método mais rápido e eficaz para eliminar varizes!

Nanovein é um gel peptídico para o tratamento de varizes. É absolutamente eficaz em qualquer estágio da manifestação de varizes. A composição do gel inclui 25 componentes curativos exclusivamente naturais. Em apenas 30 dias de uso deste medicamento, você pode se livrar não apenas dos sintomas das varizes, mas também de eliminar as conseqüências e a causa de sua ocorrência, além de impedir o re-desenvolvimento da patologia.

Você pode comprar Nanovein no site do fabricante.

Indicações para extração dentária anterior em adultos

A intervenção é realizada em determinadas situações:

  • periodontite purulenta, que não é passível de um método terapêutico de tratamento;
  • pulpite;
  • fratura da coroa, na qual ocorreu a exposição do feixe neurovascular do dente;
  • casos em que os incisivos são uma fonte do processo inflamatório com abscesso, osteomielite, sinusite maxilar, fleuma;
  • dente totalmente refinado;
  • mobilidade do elemento dentário 3 graus com periodontite;
  • perfuração da raiz do dente;
  • dentição supranumerária, provocando dor e distúrbio da função mastigatória.

Contra-indicações

Em alguns casos, a extração de incisivos não pode ser realizada. Tais proibições são geralmente divididas em 2 grupos.

  • Doenças infecciosas agudas (infecções respiratórias agudas, gripe, amigdalite, hepatite A).
  • Patologias hematológicas (leucemia, hemofilia, distúrbios da coagulação).
  • 1º e 3º trimestre de gestação.
  • Doenças endócrinas descompensadas (diabetes mellitus, hiper e hipotireoidismo).
  • Patologias cardiovasculares graves (infarto do miocárdio, crise hipertensiva, distúrbios arrítmicos).
  • Doenças neurológicas (derrame, meningite, encefalite, lesão cerebral traumática, epilepsia).
  • Transtornos mentais no estágio de descompensação (esquizofrenia, psicose).

Atenção! Tais violações impedem a remoção dos incisivos por um curto período de tempo. Quando o processo é estabilizado, o dentista realiza uma intervenção por motivos de saúde.

  • A fase aguda de erupções herpéticas na cavidade oral e na pele dos lábios.
  • Forma ulcerativa de gengivite e estomatite.
  • Localização de neoplasia maligna ou vascular na área dos incisivos.
Nanovein  Causas e tratamento de cãibras nas pernas em idosos

Características da anestesia

Na odontologia moderna, são utilizados 2 tipos de anestesia: local e geral.

No primeiro método, o médico injeta a droga nas gengivas. O paciente está consciente e pode observar as ações do cirurgião. Na maioria das vezes, esse tipo de anestesia é usado.

Com anestesia geral, o paciente dorme e, nesse momento, o médico faz uma extração.

Essa anestesia é prescrita estritamente de acordo com as indicações, uma vez que é acompanhada de certos riscos.

É usado nesses casos:

  • reflexo de vômito aumentado em um paciente;
  • a necessidade de remover vários dentes ao mesmo tempo;
  • medo irresistível por parte do paciente.

Geralmente, a extração de incisivos não é tão dolorosa. Isso se deve ao fato de os dentes da frente serem menores e não fixados na mandíbula tão firmemente quanto as costas.

O procedimento de extração do incisivo superior é doloroso?

O cirurgião realiza ações em fases durante a extração de incisivos.

Foto 1. Etapas do procedimento de remoção: 1 – colocar a ferramenta no dente, 2 – agarrar, girar ou girar, 3 – é removido, o orifício permanece.

O procedimento de remoção no exemplo de extração do dente superior frontal:

  1. O dentista usa uma pinça reta. A ferramenta é aplicada nas superfícies palatina e labial do dente.
  2. O médico realiza uma rotação (rotação). O incisivo superior central possui uma única raiz cônica.
  3. Se o dente não estiver posicionado corretamente, o médico fará movimentos oscilantes na direção do céu labial. Quando se torna móvel, o cirurgião realiza uma rotação.

Atenção! Se o procedimento for sem complicações, a remoção dos incisivos não leva mais de 15 a 20 minutos.

As consequências daqueles que sobreviveram à operação

Apesar de a extração de incisivos centrais ser considerada uma operação bastante simples, várias complicações podem surgir no processo. Durante a intervenção, os tecidos moles da mandíbula são lesionados. Isso pode ser acompanhado por conseqüências desagradáveis:

  • sangramento maciço;
  • dano no nervo;
  • luxação da mandíbula;
  • lesão nos dentes adjacentes;
  • danos na gengiva;
  • alveolit.
Nanovein  Dor nas pernas na parte superior da causa, descrição dos sintomas, possíveis problemas e tratamento

Atenção! Tais complicações são bastante raras. De acordo com a experiência dos pacientes, as deficiências estéticas são muito mais prováveis ​​de ocorrer. Mas aqui a medicina moderna encontrou uma saída – a instalação de uma prótese.

Características da prótese borboleta

Muitos pacientes não querem remover os incisivos centrais, porque têm medo de perder a atratividade. Tais medos são infundados, porque vários tipos de próteses são praticadas em odontologia, graças às quais você pode restaurar a dentição com rapidez e precisão.

Os dentistas oferecem várias soluções na ausência de 1 a 2 dentes:

Prótese imediata (“borboleta”). É usado como um estágio intermediário da prótese e é instalado imediatamente após a remoção dos incisivos.

É equipado com elementos de fixação (grampos de plástico) que cobrem os dentes saudáveis ​​adjacentes. O design protege o buraco que ainda não se recuperou da irritação ao morder os alimentos e da penetração de microorganismos patogênicos. A "borboleta" é invisível e não causa nenhum inconveniente.

  • O implante dentário é um modelo artificial da raiz do incisivo. Um pilar de titânio é instalado na estrutura, que segura a coroa. Um implante não pode ser distinguido de um dente natural: externamente e funcionalmente é idêntico ao incisivo "nativo".
  • Prótese em ponte. Consiste em duas coroas, entre as quais existe um dente artificial. A estrutura fixa é feita de cerâmica ou cermets. Uma característica dessas próteses é a trituração e despolpação dos dentes adjacentes pelo dentista, mesmo que sejam saudáveis.
  • Cada tipo de prótese tem vantagens e desvantagens. É por isso que o médico recomenda um método para cada paciente individualmente, com base no quadro clínico.

    Vídeo útil

    Assista ao vídeo que mostra a operação para remover o dente superior frontal.

    Podem ocorrer complicações após a cirurgia.

    A remoção dos dentes da frente é uma intervenção séria no corpo. O médico realiza a extração apenas em casos extremos, quando os incisivos não podem mais ser curados. Apesar da aparente simplicidade da operação para remover esses dentes, em alguns casos podem ocorrer sérias complicações – alveolite, lesão nervosa, sangramento. É por isso que a intervenção deve ser realizada por um cirurgião qualificado.

    Lagranmasade Portugal